Home > Exercícios Resolvidos > Exercícios de História > As Transformações do Feudalismo – Exercícios

As Transformações do Feudalismo – Exercícios

Leia o artigo: Transformações na Sociedade Feudal

01. (FEI) Através da aliança da burguesia e a monarquia, delineou-se o Estado Moderno. Em que consistia essa aliança?

02. (FUVEST) Qual a relação entre João Sem Terra e a instituição parlamentar inglesa?

03. (TAUBATÉ) A filosofia escolástica, que predominou na Baixa idade Média, representou:

a) uma tentativa de integração dos ideais cristãos com a filosofia aristotélica;
b) a supremacia do racionalismo sobre o misticismo;
c) a dominação da fé pela razão;
d) a dominação absoluta da fé pela razão;
e) n.d.a.

04. (GV) A Guerra dos Cem Anos (1337 – 1453), entre franceses e ingleses, teve como conseqüências principais:

a) a consolidação do poder monárquico na França e a expulsão quase completa dos ingleses do território francês;

b) a consolidação do poder monárquico na Inglaterra e a expulsão quase completa dos franceses do território inglês;

c) a incorporação de parte do território francês pela Inglaterra e o conseqüente enfraquecimento do poder real na França;

d) a incorporação de parte do território inglês pela França e o conseqüente enfraquecimento do poder real na
Inglaterra;

e) a aliança entre franceses e flamengos e o fim da hegemonia inglesa sobre o comércio europeu.

05. (CESGRANRIO) Houve uma série de mudanças que assinalaram a transição da economia estática e contrária ao lucro da Idade Média para o dinâmico regime capitalista do século XV e seguintes. A respeito desse processo, podemos afirmar que:

a) a conquista do monopólio comercial do Mediterrâneo pelos turcos desenvolveu o comércio com as cidades mercantis da Liga Hanseática;

b) a introdução de moedas de circulação geral, como o ducado veneziano e o florim toscano, desorganizou a
economia monetária da época;

c) a procura de materiais bélicos desestimulava os novos monarcas e desenvolver o comércio, pois estavam
preocupados com sua própria segurança;

d) a acumulação de capitais excedentes, oriundos das especulações comerciais, marítimas ou de mineração, trouxe novos horizontes de opulências e poder;

e) o sistema de manufatura desenvolvido pelas corporações de ofícios consolidou-se, afastando-se delas o
fantasma da extinção.

06. (UnB) Verdadeiro ou Falso?

A Baixa Idade Média (séculos XII – XV) assinalou a transformação do sistema feudal, ocasião em que:

(    ) intensificam-se as relações mercantis e as trocas monetárias;

(    ) o aumento populacional, ampliando o mercado consumidor, explicitou as limitações da produção feudal, calcada na servidão;

(    ) ocorreu um Renascimento Urbano, baseado no planejamento ordenado, que resultou em satisfatórias
condições de saneamento e higiene das cidades;

(    ) desenvolveram-se as corporações de ofício, organizando a produção rural mas não intervindo em sua
regulamentação;

(    ) o comércio praticamente desapareceu do Mediterrâneo, substituído pelo Atlântico como eixo central da
atividade mercantil.

07. (FUVEST) No século XIII, os barões ingleses, contando com o apoio de alguns mercadores e religiosos,
sublevaram-se contra as pesadas taxas e outros abusos. O rei João Sem Terra acabou aceitando as exigências dos vassalos rebelados e assinou a Magna Carta. Pode-se afirmar que esse documento representa um importante legado do mundo medieval porque:

a) reafirmava o princípio do poder ilimitado dos monarcas para fixar novos tributos;
b) freou as lutas entre os cavaleiros e instituiu o Parlamento, subdividido em duas Câmaras;
c) assegurava antigas garantias a uma minoria privilegiada, mas veiculava princípios de liberdade política;
d) limitou as ambições políticas dos papas, mesmo em se tratando de um contrato feudal;
e) proclamava os direitos e as liberdades do homem do povo através de 63 artigos.

08. (UnB) Verdadeiro ou Falso?

No período medieval, a população enfrentou uma epidemia de extrema gravidade, a Peste Negra, a qual envolveu determinados aspectos, a saber:

(     ) A epidemia foi, em seu conjunto, mais acentuada nos meios urbanos do que nos campos, e menos nas montanhas do que nas planícies.

(     ) O impacto da peste fez surgir um movimento de histeria coletiva que se propagou por toda a Europa.

(     ) A morte tornou-se um dos temas prediletos de artistas e poetas.

(     ) A epidemia não conseguiu afetar as relações familiares e sociais, estabelecendo-se no período laços
profundos de solidariedade.

09. (ACAFE) Entre as causas da decadência do feudalismo, é correto mencionar:

I.   o Renascimento Comercial e Urbano;
II.  o aparecimento de uma nova classe social: a burguesia;
III. a Guerra dos Cem Anos, envolvendo França e Inglaterra;
IV. a união do rei e dos senhores de terras, visando à centralização política.

As alternativas corretas são:

a) I e IV
b) I, II e III
c) I e II
d) II, III e IV
e) II e III

10. (PUC) Albi é hoje uma pacata cidade do Sul da França, não muito longe de Toulouse. No entanto, foi o centro principal de uma seita herética que, durante os séculos XII e XIII, propagou-se até o Norte da Itália, abalando o prestígio da Igreja. A heresia albigense negava alguns valores sociais, tais como o matrimônio, a família e a propriedade. Anatematizados, os albigenses só desapareceram após a cruzada ordenada pelo papa Inocêncio III e levada a efeito por Simon de Monfort. Na verdade, sendo dualistas e procurando reunir em uma síntese o cristianismo e o paganismo oriental, os albigenses poderiam ser chamados de:

a) maniqueístas
b) gnósticos
c) agnósticos
d) anarquistas
e) bárbaros

Respostas:

01. A burguesia desejava a unificação do mercado nacional através de uniformização de pesos, medidas, moedas, leis, pedágios, alfândegas e da administração em geral; para tanto, ajudou o rei no processo de centralização do poder – o único caminho para atingir a desejada unificação.

02. Em 1215, os barões (nobres) ingleses impuseram ao mencionado soberano a famosa Magna Carta, que limitava o poder real, sobretudo no que dizia respeito à justiça e à tributação. Para obrigar os reis ingleses a cumprir o estipulado na magna Carta, organizou-se mais tarde o Parlamento, constituído de representantes da nobreza, do clero e da burguesia.

03. A 04. A 05. D
06. V V F V V
07. C 08. V V V F 09. B 10. A

Veja também

Primórdios da Colonização Portuguesa – Exercícios

Leia o artigo: Primórdios da Colonização Portuguesa 01. (FATEC) A única forma de ocupação do Brasil ...