Home Exercícios Resolvidos > Exercícios de História > EUA e América Latina nos Séculos XIX e XX – Exercícios

EUA e América Latina nos Séculos XIX e XX – Exercícios

01. (FUVEST) A Revolução Mexicana de 1910, do ponto de vista social, caracterizou-se:

a) pela intensa participação camponesa;
b) pela aliança entre operários e camponeses;
c) pela liderança de grupos socialistas;
d) pelo apoio da Igreja aos sublevados;
e) pela forte presença de combatentes estrangeiros.

02. (FATEC)

“Quando as hordas de gente que procuravam terra foram mais e mais para Oeste, o que aconteceu com os índios que vagavam por essas florestas, durante centenas de anos? Não podiam deter as hordas que se punham a caminho: lutavam, eram derrotados e empurrados para trás. Lutavam de novo, eram derrotados e novamente empurrados mais para trás ainda. O governo fazia tratado com eles. Prometia pagar-lhes a terra tomada pelos colonizadores, oferecia-lhes teros já estava nos seus calcanhares.” (Leo Huberman, Nósras que ficavam mais a Oeste. Os índios, sem poder fazer outra coisa, assinavam os tratados e se mudavam. Antes que a tinta secasse, a multidão de pioneir, o povo)

A leitura do texto acima remete-nos:

a) à conquista do Oeste dos Estados Unidos;
b) à conquista do Oeste da região do Prata pelos ingleses;
c) à conquista do Peru pelos espanhóis;
d) à conquista do Canadá pelos franceses;
e) à conquista do Haiti pelos holandeses.

03. (FGV) A “Aliança para o Progresso” foi:

a) um tratado de comércio entre os países latino-americanos para a ampliação do intercâmbio industrial  através da redução das barreiras alfandegárias entre eles;
b) um acordo de cooperação do governo norte-americano do presidente Robert Kennedy com os governos asiáticos visando à independência econômica de seus países;
c) uma ação do governo norte-americano em direção ao apaziguamento dos nacionalismos e das guerrilhas  da América Latina, através de estímulos à modernização;
d) uma aliança econômica e militar dos EUA com os países latino-americanos visando derrubar o governo comunista de Fidel Castro em Cuba;
e) uma aliança de países europeus visando à formação da Comunidade Econômica Européia.

04. (PUC) Usa-se o nome Guerra Fria para designar:

a) a tensão existente entre Inglaterra e Alemanha, no final do século XIX, motivada pela disputa, entre os  dois Estados Nacionais, pelo controle do comércio do Mar do Norte;
b) o problema diplomático surgido entre França e Portugal, no início do século XIX, que provocou a vinda  da família real portuguesa para o Brasil e a posterior transformação da colônia em Reino Unido;
c) a invasão francesa na Rússia, no início do século XIX, com a decorrente derrota dos invasores e fim do período napoleônico;
d) o conjunto de tensões entre Estados Unidos e União Soviética, resultante da disputa, entre ambas, por uma posição hegemônica no contexto internacional do pós Segunda Guerra;
e) a disputa entre Rússia e Japão, no período imediatamente anterior à Primeira Guerra Mundial, por territórios no extremo oriente da Ásia e pelo controle do comércio marítimo do Pacífico.

05. (MACKENZIE) O texto abaixo refere-se a um país americano onde constantes racionamentos de alimento, de combustível e de energia elétrica têm causado dificuldades à população, sobretudo após as mudanças ocorridas no Leste Europeu.

“Até pouco tempo atrás, os protestos … se limitavam às piadas políticas. Umas delas, por exemplo, perguntava o que há em comum entre um foguete soviético e a escassez de ovos. Resposta: a contagem regressiva – 5, 4, 3, 2, 1, 0.”
(Revista Veja, agosto/91)

O país em questão é:

a) Brasil
b) Argentina
c) Cuba
d) Canadá
e) México

06. (UNESP) “Um conjunto de normas mais ou menos semelhantes se impôs na Argentina em 1976, no Uruguai e no Chile, depois de 1973, na Bolívia quase imediatamente, no Peru de 1968 a 1979, no Equador de, 1971 a 1978.” (Clóvis Rossi)

Assinale a alternativa que melhor expressa o conjunto de normas de exceção que marcaram a trajetória político- institucional dos países latino-americanos, indicados no texto:

a) Dissolução de partidos e sindicatos, com o objetivo de estabelecer uma nova ordem democrática e  popular.
b) Domínio político das organizações guerrilheiras.
c) Extinção dos partidos políticos, intervenção nos sindicatos e suspensão das eleições diretas.
d) Política externa alinhada automaticamente com a URSS e ao bloco do Leste.
e) Formação de uma frente parlamentar, para revisão constitucional.

07. (UFS) O fim da Guerra Civil Mexicana (1917) encontrou a nação arruinada. Politicamente, afirmou-se a hegemonia dos generais do Norte do país, sendo na década de 20 governado praticamente por:

a) Hurtado e Camacho
b) Obregón e Calles
c) Cárdenas e Villa
d) Zapata e Dias
e) Carranza e Huerta

08. “O descontentamento com a desigualdade social crescia em todos os setores populares (…) Uma situação francamente revolucionária só se criou quando a este descontentamento generalizado somaram-se dois fatos novos. Primeiro, uma grave dissensão no patriciado político motivada pelo continuísmo de Porfíro Dias (…) Segundo e principalmente, o surgimento de duas lideranças camponesas autênticas: a de Emiliano Zapata (…) e a de Francisco Villa (…)”

(Darcy Ribeiro, As Américas e a Civilização)

O texto refere-se à:

a) Revolução Sandinista
b) Revolução Cubana
c) Guerra do Pacífico
d) Guerra do Chaco
e) Revolução Mexicano

09. (FATEC) Nos anos cinqüenta, a política da Argentina sofreu várias críticas dos que acreditavam ser o peronismo um regime populista. Isso se deu porque o peronismo:

a) conteve o movimento sindical, o que constitui um desestímulo para a massa operária;
b) beneficiou, sobretudo, as classes ligadas ao capitalismo industrial;
c) realizou muitas mudanças estruturais para garantir o sucesso do justicialismo;
d) terminou com o programa de nacionalização das ferrovias implantada anteriormente;
e) diminuiu, sensivelmente, o poder de controle estatal sobre a produção.

10. (FESP) A expressão “populismo“, que incorpora lemas do tipo “rouba mas faz”, define um estilo onde o político:

a) tem, necessariamente, origem popular;
b) só faz promessas que pode cumprir depois de eleito;
c) deve pertencer a um partido que congrega apenas trabalhadores;
d) faz do nacionalismo a sua única bandeira;
e) conquista as massas com apelos emocionais e atraentes.

Leia o artigo: América – Continente Americano

 

Respostas:

01. A 02. A 03. C 04. D
05. C 06. C 07. B 08. E
09. B 10. E