Íons

Um átomo eletricamente equilibrado apresenta a quantidade de prótons igual à quantidade de elétrons. Mas, em certas situações, o átomo pode ganhar ou perder elétrons, deixando assim de ser neutro.

Nesse caso, ele passa a ser chamado de íon. Podemos definir um íon como um átomo em desequilíbrio elétrico.

O que acontece quando um átomo ganha ou perde elétrons?

Vamos imaginar o sódio (Na) que possui Z = 11. Se o sódio possui esse número atômico, isso significa que ele possui, quando neutro, 11 prótons e 11 elétrons.

Se perder um elétron da sua última camada, fica com 10 elétrons e 11 prótons, então fica carregado eletricamente positivo, pois ficou com um próton a mais. Neste caso, recebe o nome de cátion.

Observe um outro exemplo: o flúor apresenta Z = 9, ou seja, possui 9 prótons e 9 elétrons. Se ganhar um elétron, fica carregado negativamente, pois, ganhando um elétron, passa a ter 9 prótons e 10 elétrons. Nesse caso, recebe o nome de ânion.

Observe a figura abaixo:

Íons.
A formação de íons.

Aprendemos que a representação dos elementos químicos pode ser feita com o número atômico e o número de massa. Para representar os íons usamos a seguinte representação:

Íons.

No caso da formação do ânion, representamos:

Íons.

Diferença entre cátions e ânions:

Íon negativo – É chamado de ânion. Acontece quando o átomo ganha elétrons.

Íon positivo – É chamado de cátion. Acontece quando o átomo perde elétrons.

Importância dos íons

Vamos lembrar que, no organismo humano, também encontramos átomos na forma de íons. Esses íons têm papel importante dentro das reações vitais que mantêm o equilíbrio do ser vivo.

Observe a tabela abaixo.

Íon Função São encontrados nos alimentos O que pode causar sua deficiência
K+ Equilíbrio dos líquidos existentes no corpo, ação de nervos e músculos. Carne, frutas, vegetais, legumes e grãos inteiros. Problemas ligados ao controle da perda de água, batimentos cardíacos irregulares, mau funcionamento dos músculos, cãibra.
Ca2+ Responsável pela coagulação sanguínea, contração e relaxamento dos músculos. Leite, folhas verdes, grãos, legumes, castanhas e nozes, gema de ovo. Raquitismo, osteoporose, má formação dentária, deficiência da coagulação sanguínea.
Mg2+ Funcionamento dos nervos, contração dos músculos. Leite e derivados, feijão, castanhas, folhas verdes, ervilhas, cereais. Tremores musculares, problemas cardíacos, delírios e convulsões.
Na+ Equilíbrio dos líquidos existentes no corpo. Sal de cozinha, carne, ovos, leite, cenoura, beterraba, espinafre. Problemas ligados ao controle de perda de água no organismo.

Por: Wilson Teixeira Moutinho