Home » Química » Química Geral » Destilação

Destilação

Exemplo de destilação que ocorre nos vidros em dias friosFenômeno natural, a destilação pode ser observada quando gotículas de água se condensam nas vidraças de janelas em dias frios. Também a formação das chuvas constitui, de certa maneira, um processo natural de destilação.

Destilação é um processo caracterizado por uma dupla mudança de estado físico, em que uma substância, inicialmente no estado líquido, é aquecida até atingir a temperatura de ebulição, transformando-se em vapor, e novamente resfriada até que toda a massa retorne ao estado líquido. O processo tem sido utilizado desde a antiguidade para a purificação de substâncias e fabricação de essências e óleos. No caso da chuva, a vaporização se dá não por ebulição, mas por evaporação a baixa temperatura.

A maioria dos métodos utilizados durante o processo de purificação de misturas homogêneas baseia-se na destilação simples, que consiste na evaporação parcial da mistura líquida, a fim de separar seus componentes. As substâncias mais voláteis, isto é, com menor ponto de ebulição, vaporizam primeiro; ao passarem por um condensador, se liquefazem, sendo finalmente recolhidas em um tanque. Esse procedimento é válido para a purificação de líquidos com impurezas voláteis dissolvidas e para a separação de misturas cujos componentes apresentam pontos de ebulição bem diferenciados.

Quando os pontos de ebulição dos componentes de uma mistura são muito próximos, a destilação simples não permite uma boa separação, sendo necessário repetir o processo várias vezes. Esse procedimento, denominado destilação fracionada, é muito utilizado no controle do teor alcoólico de bebidas tipo aguardente, como uísque, rum, gim e cachaça. Além disso, constitui o processo fundamental do refino de petróleo, para obtenção de gasolina, querosene e demais derivados.

A destilação pode, também, ser realizada a seco, ou em ausência de vapor d'água, para a produção de alcatrão e carvão vegetal a partir da madeira ou da hulha.

A obtenção de nitrogênio e oxigênio gasosos a partir do ar atmosférico realiza-se por meio de destilação atmosférica. Nesse processo, o ar atmosférico é resfriado progressivamente até a formação de uma fase líquida rica em oxigênio, que se condensa a uma temperatura superior à do nitrogênio. A seguir, essa fase é levada à ebulição, através de um aquecimento gradual com pressão constante, sendo o vapor assim obtido proporcionalmente mais rico em nitrogênio que a mistura inicial. Se, durante a evaporação da fase líquida, a quantidade de vapor em contato com essa fase for aumentada, impedindo que o equilíbrio entre as duas fases seja atingido, a temperatura de ebulição cresce progressivamente, enquanto o líquido se torna cada vez mais pobre em nitrogênio. Repetindo essa operação algumas vezes, é possível obter-se um resíduo constituído de oxigênio praticamente puro.


Destilação Simples:

Material: erlenmeyer, tubo de latex, pisseta, lamparina, tripé, rolha com furo, tela metálica, béquer, colher de medida.

É o processo utilizado para separar misturas homogêneas líquido-sólido. Procedemos da seguinte maneira:

1. Monte a aparelhagem como mostra a figura;

2. Com o funil analítico e a proveta, coloque aproximadamente 100ml de uma solução de CuSO4 - 5H2O no balão de fundo chato;

3. Para evitar superaquecimento, coloque dentro da solução algumas pérolas de vidro;

4. Aqueça lentamente;

5. Abra com cuidado a entrada de água do condensador. Anote a temperatura no início da ebulição e também no término;

6. Observe que, quando a solução atinge o ponto de ebulição, a água passa para o estado gasoso e vai para o condensador, onde volta ao estado líquido;

7. Verifique ainda se, no final da destilação, você obteve mesmo sulfato de cobre no balão e água destilada no erlenmeyer.


Destilação Fracionada

É o processo utilizado para separar misturas homogêneas do tipo líquido-líquido. Os passos a seguir são:

1. Tal como a experiência anterior, coloque 100 ml de vinho no balão de destilação.

2. Abra com cuidado a entrada de água para o condensador.

3. Acenda o bico de Bunsen (chama média).

4. Verifique quando a mistura entra em ebulição e anote a temperatura.

5. Destile por 5 minutos (em ebulição).

6. Verifique qual componente destila primeiro, testando o cheiro das gotas destiladas inicialmente.

Veja também:


Comente:



Receba atualizações do site:

© Todos os direitos reservados à Cola da Web.com
Siga-nos:
O Cola da Web auxilia sua vida escolar e acadêmica ajudando-o em suas pesquisas e trabalhos. O Cola da Web NÃO faz a venda de monografia e É TOTALMENTE CONTRA a compra de trabalhos prontos, assim como, NÃO APOIA e NÃO APROVA quem deseja comprar Trabalhos Prontos, por isso nós incentivamos o usuário a desenvolver por conta própria o seu trabalho escolar, TCC ou monografia.