Home » Resumos » Felicidade Clandestina - Clarice Lispector

Felicidade Clandestina - Clarice Lispector

Felicidade Clandestina trás partes autobiográficas de Clarice Lispector

A obra “Felicidade Clandestina” de Clarice Lispector reúne diversos textos da autora que foram escritos ao longo de sua vida, por isso é considerado um livro de contos. Clarice não gostava dos rótulos de gêneros, por isso muitos dos textos inclusos nesta obra têm características de contos, outros de crônica e alguns ainda com certo ar de ensaio. Felicidade Clandestina foi lançado em 1971, Clarice escreveu muito desses contos para o Jornal do Brasil, para onde ela escrevia semanalmente e eram publicados como crônicas.

Livro Felicidade ClandestinaNo total são 25 textos, sendo eles: Felicidade Clandestina, Uma amizade sincera; Miopia Progressiva; Restos do Carnaval; O grande Passeio; Come, meu filho; Perdoando Deus; Tentação; O ovo e a galinha; Cem anos de perdão; A legião estrangeira; Os obedientes; A repartição dos pães; Uma esperança; Macacos; Os desastres de Sofia; A criada; A mensagem; Menino a bico de pena; Uma história de tanto amor; As águas do mundo; A quinta história; Encarnação involuntária; Duas histórias a meu modo; O primeiro beijo.

Os textos de Clarice Lispector em “Felicidade Clandestina” possuem temas como infância, adolescência, família, amor, e questões da alma. Muitos deles são considerados autobiográficos e trazem passagens que realmente aconteceram na vida da autora. Como é comum de algumas de suas obras, ela faz uma análise psicológica, uma espécie de avaliação autoanálise. Muitas das narrativas não possuem um fluxo sequencial e funcionam como divagações de pensamentos dos personagens. A epifania, associação de ideias e revelações súbitas são comuns na prosa. 

Resumo dos primeiros contos:

Felicidade Clandestina”, é uma crônica que leva o mesmo nome do livro, e narra a história em primeira de pessoa de uma menina e a experiência com seu primeiro livro. O livro pertence a uma garota má, que sempre encontra uma desculpa para não emprestá-lo. Um dia a mãe da menina descobre e entrega o livro para a narradora, que sente por ele um amor e felicidade incondicional. Esta é uma crônica que remete a infância da própria Clarice, onde ela seria a própria narradora. No final a menina deixa o livro escondido para que sempre que ela o encontre sinta a felicidade, então este sentimento se torna algo clandestino. Então vem a reflexão sobre a felicidade, e que ela deve ser algo encontrado em todos os momentos e nas coisas simples.

Em “Amizade sincera”, se conta a história de dois homens que são amigos inseparáveis, eles chegam a morar juntos mais em determinado momento acaba o assunto entre eles, e não conseguem mais voltar a ser o que eram. No final eles tomam rumos diferentes na vida e optam por não mais se verem. Este conto tem como tema o individualismo do ser humano, e como ao mesmo tempo é preciso ter um relacionamento de troca. No caso, os dois amigos já não tem mais o que “trocar” entre si.


Comentários:

Você está aqui: Resumos de Livros

Receba atualizações do site:

Copyright © 2014 - Todos os direitos reservados: Proibida a reprodução sem autorização (Inciso I do Artigo 29 Lei 9.610/98)

O Cola da Web auxilia sua vida escolar e acadêmica ajudando-o em suas pesquisas e trabalhos. O Cola da Web NÃO faz a venda de monografia e É TOTALMENTE CONTRA a compra de trabalhos prontos, assim como, NÃO APOIA e NÃO APROVA quem deseja comprar Trabalhos Prontos, por isso nós incentivamos o usuário a desenvolver por conta própria o seu trabalho escolar, TCC ou monografia.
R7 Educa‹o