Home > Física > Física Geral > Tensão Superficial

Tensão Superficial

Uma das matérias exatas mais importantes para a humanidade sem dúvida alguma foi a física. A química e a matemática foram de grande valia, mas a física é a única capaz de explicar fenômenos que pareceriam inexplicáveis. Como é o caso da tensão superficial, uma das mais importantes e maravilhosas descobertas da física.

Publicidade

A tensão superficial é um fenômeno físico que ocorre entre a interface das moléculas de duas fases químicas diferentes, sendo uma delas a de um líquido, seja ele qual for (geralmente o estudo é feito com a água, pois ela apresenta a maior tensão superficial de todos os líquidos). Basicamente a tensão superficial faz com que a camada exterior do líquido se comporte como uma membrana elástica. E tudo isso é causado pelas forças de coesão entre moléculas semelhantes, dando um resultado diferente de resultante vetorial na interface.

Imagine uma piscina, dentro dela há muita água e dentro da água muitas moléculas de H2O estão exercendo força uma sobre a outra, e recebendo força de todos os lados, mas aquelas que estão na superfície sofrem apenas do exterior e do interior, e isso faz com que elas formem quase que uma camada de látex.

Publicidade

Tensão superficialEsse fenômeno é o responsável pela flutuação de alguns objetos nas superfícies com água, contanto que o objeto se mantenha seco. Por essa razão, alguns insetos conseguem “andar” sobre a água (Não, não é por isso que muitos dizem que se pode caminhar no Mar Morto, isso se deve a grande quantidade de sal presente em sua água).

A letra grega que representa a tensão superficial é a y, ela tem a grandeza de força como a unidade de comprimento. A tensão superficial explica alguns fenômenos bastante conhecidos, como a formação das bolhas de sabão, que possuem ar dentro e ar ao redor delas. Porém elas só conseguem ser formadas por causa do sabão presente na água que diminui a tensão superficial.

Outra explicação ocorre para o fenômeno da (não) mistura de água e óleo, além de eles não se misturarem por causa da densidade, a tensão ajuda eles a se separarem de forma quase que perfeita. A formação de gotas também é causada pela tensão superficial.

O fenômeno mais legal que ela explica é porque algumas lâminas de aço não afundam na água, mesmo sendo mais densas que ela, mas isso só ocorre se a lâmina for posta vagarosamente na superfície com água. Que tal fazer esse exercício em casa e comprovar por você mesmo? E se você quiser que a lâmina afunde é só jogar detergente dentro do recipiente. Não esqueça de nos contar como foi a experiência e se você tentou com algum outro tipo de líquido.

Por: Gabriele Ferreira

Publicidade

Comentários