Home Guia de Profissões > Engenheiro Civil

Engenheiro Civil

A pesquisa e a utilização de materiais alternativos, que barateiam o custo de uma obra, têm sido um dos campos mais promissores para esse profissional.

Publicidade

A engenharia civil deu seus primeiros passos no Brasil no período colonial, com a construção de fortificações e igrejas. Em 1549, o engenheiro Luiz Dias foi encarregado pelo governador das terras do Brasil, Tomé de Sousa, de levantar os muros da cidade de Salvador, na Bahia; construiu também o edifício da Alfândega e o sobrado de pedra e cal da Casa da Câmara e Cadeia. Apenas em 1808, com a chegada da família real ao país e a fundação da Real Academia Militar do Rio de Janeiro, nasceu a primeira escola de Engenharia brasileira.

A engenharia constitui-se em uma das mais importantes atividades do homem. A tarefa de levantar casas, prédios, pontes, barragens, abrir estradas e canalizar córregos e rios está a cargo do engenheiro. Ele reúne conhecimentos para fazer projetos, avaliando o melhor local para a construção e sua integração com o que está em volta; também acompanha todas as etapas de execução da obra. Peça-chave do setor de construções, atua em parceria com o arquiteto, o topógrafo, o geólogo e o agrimensor.

Seu campo de trabalho inclui: fazer supervisão, coordenação, planejamento e desenvolvimento de projetos, assessoria técnica, consultoria, fiscalização, perícia técnica, construções, inclusive de estações de bombeamento de água e sistemas de irrigação e drenagem. O curso de Engenharia tem como base a Física, a Química e a Matemática, além de Arte, Gerenciamento de Construções e Pesquisa. No curso, o aluno pode dar ênfase à Estrutura e Edificações, Hidráulica e Saneamento, Transportes ou Geotecnia. Na pós-graduação, está crescendo o interesse pelas engenharias de produção, do trabalho e urbana. A profissão exige espírito empreendedor e gosto pela pesquisa de novas técnicas e materiais. Engenheiro civil

Publicidade

Mercado

Estável. A falta de investimento na construção civil e em obras de infra-estrutura na década de 1990 reduziu as opções de trabalho do engenheiro. Contudo, os primeiros anos do século XXI revelam aumento no número de vagas, sobretudo em projetos que privilegiam a utilização de materiais alternativos.

Opções de trabalho

• Atuar na indústria da construção civil.
• Trabalhar em órgãos e secretarias públicos.
• Fazer consultorias e projetos.
• Lecionar em universidades.

Remuneração

Salário médio inicial: R$ 2.400,00.

Formação

10 semestres.

Bacharelado em Engenharia Civil: UFBA-Salvador/BA; Ufes-Vitória/ES; UFPE-Recife/PE; PUC-Rio de Janeiro/RJ; Uerj-Rio de Janeiro/RJ; UFRGS-Porto Alegre/RS; UFSC-Florianópolis/SC; Unesp-Bauru/SP; Unicamp-Campinas/SP; Unesp-Ilha Solteira/SP; FEI-São Bernardo do Campo/SP; UFSCar-São Carlos/SP; Unip-São Paulo/SP; USP-São Calos/SP; PUC-Curitiba/PR; PUC-Porto Alegre/RS; USP-São Paulo/SP; IME-Rio de Janeiro/RJ; ITA-São José dos Campos/SP; UFMG-Belo Horizonte/MG; UFRJ-Rio de Janeiro/RJ; UnB-Brasília/DF; EEM-Mauá/SP; UEL-Londrina/PR; Ufal-Maceió/AL; UFF –Rio de Janeiro/RJ; Ufop-Ouro Preto/MG; UFPR-Curitiba/PR; UFU-Uberlândia/MG; UFV-Viçosa/MG; Faap-São Paulo/SP; Mackenzie-São Paulo/SP; UEM-Maringá/PR; UFC-Foratleza/CE; UFG-Goiânia/GO; UFMT-Cuiabá/MT; UFSM-Santa Maria/RS; UPF-Passo Fundo/RS.