Home > Guia de Profissões > Engenheiro Eletrônico

Engenheiro Eletrônico

Os profissionais na área de engenharia eletrônica contam com espaços em qualquer tipo de setor que necessite de especialistas na área de processamento de sinais, e informação, bem como o desenvolvimento dos equipamentos eletroeletrônicos.

Para as áreas de indústria, o segmento de automóveis é o mais indicado, alimentício, têxtil e de eletrodomésticos, estes são os principais setores que oferecem as melhores oportunidades.

Na área de telecomunicações por sua vez, este profissional poderá trabalhar em setores de tecnologia, bem como tv digital e internet para padrões brasileiros. Para finalizar existem muitas vagas nos setores de mineração, para quem for especializado em automação e extração de minérios e de petróleo por exemplo.

Quem é o profissional engenheiro eletrônico, e qual sua faixa salarial

Este é o profissional que projeta e desenvolve uma série de componentes determinados, ele é quem entende de materiais eletroeletrônicos, sistemas voltados a medição e controles, sistemas embarcados, equipamentos biomédicos e ainda áreas de informática médica.

Este profissional é quem faz os estudos sobre a viabilidade técnica e econômica, executando e fiscalizando uma série de obras e de serviços de ordem técnica para realizar vistorias, perícias e avaliações acima de tudo. Faz parte de suas funções a emissão de laudos e pareceres sobre as obras e serviços. É possível começar a carreira como tecnólogo.

A faixa salarial para os profissionais desta área fica a partir de R$ 3500 mensais e pode chegar a até R$ 20 mil reais dependendo do cargo do profissional e o tempo de carreira.

Engenheiro eletrônico

Entre as melhores instituições de ensino que oferece este tipo de curso podemos citar:

MG Itajubá Unifei. PE Recife UFPE 3. SP São José dos Campos ITA. São Paulo USP Eng. Elétr. (sist. eletrôn.).

Sobre o curso de engenharia eletrônica

Os dois primeiros anos de curso cobrem as áreas de ciências exatas, com disciplinas voltadas ao cálculo, física geometria e desenho técnico. A partir disto devem começar matérias específicas, entre elas podemos citar sistemas digitais, circuitos elétricos e a área de eletrônica.

Algumas instituições o curso é oferecido como habilitação em Engenharia Elétrica, e em outras há um foco específico, por isso é muito importante prestar atenção neste sentido.

A duração média de curso é de cinco anos.