Urologista

Uma das grandes escolhas que o profissional de medicina precisa fazer quando eles ainda nem são considerados médicos ainda é a especialização pela qual ele ou ela vai seguir. Existem muitas opções, sendo que cada cainho acaba levando a um determinado tipo de público que será atendido, ou um determinado conjunto de problemas que deverão ser resolvidos.

Publicidade

A especialização em urologia é um dos caminhos que podem ser escolhidos pelos profissionais que se formam no curso de medicina. O campo de atuação dos médicos que decidem por esta área acaba focando no aparelho genital e urinário, tanto masculino quanto o feminino. Essa é uma das principais diferenças em comparação a outras especializações que resolvem problemas na mesma região, mas que acabam se especializando ou nos problemas masculinos ou nos femininos.

O urologista acaba atendendo tanto os homens quanto as mulheres, o que acaba ampliando consideravelmente o seu público. A grande maioria dos pacientes acabam sendo de idade adulta, ou então os idosos.

Dentre as principais doenças e patologias que são tratadas por este profissional temos as seguintes: cálculos renais (popularmente conhecidos como “pedras dos rins”, tumores, infecções genitais e distúrbios sexuais masculinos (impotência, ejaculação precoce etc.).

Urologista

Publicidade

Os médicos que se especializam na urologia podem acabar escolhendo tanto o caminho da cirurgia, ou então da clínica, oferecendo consultas para os pacientes. Muitos seguem os dois caminhos ao mesmo tempo, atendendo os pacientes no começo do tratamento e também resolvendo as questões utilizando as variadas técnicas cirúrgicas.

De um modo geral, os médicos que trabalham nesta área precisam ter todas as qualidades e características dos médicos de um modo geral, como amor pelo atendimento ao público e também capacidade de atualização. Também é importante que estes profissionais se sintam à vontade com relação aos tratamentos nas partes íntimas das pessoas.

Opções de trabalho e mercado

Este pode ser considerado como um mercado estável, como acaba sendo para a grande maioria dos médicos. De um modo geral, existe uma grande procura dos pacientes por esta especialidade. Mas existem algumas questões externas que também acabam impactando no trabalho, como os equipamentos que realizam praticamente todo o trabalho de retirada de cálculos renais, por exemplo.

Remuneração

Os vencimentos inicias dos médicos urologistas giram em torno de R$ 2,1 mil.

Formação

O processo de formação é longo, sendo que os profissionais precisam passar por 6 anos do curso de medicina, mas 2 anos de residência em cirurgia geral e mais 3 anos em residência em urologia.