Corpo Humano

Intestino Delgado

O intestino delgado é um tubo que mede cerca de 6 m de comprimento (embora possa variar bastante), por 3 a 4 centímetros de diâmetro, divididos em três porções: duodeno, jejuno e íleo.

A primeira parte do intestino delgado é o duodeno. Dentro dele, o alimento (agora chamado quilo) recebe o suco pancreático e a bile. Com cerca de 25 centímetros e formato da letra “c”, localiza-se próximo ao pâncreas. É no duodeno que são lançadas as secreções produzidas no fígado e no pâncreas.

O fígado comunica-se com o duodeno através do ca­nal colédoco ou biliar, que traz a bile armazenada na vesícula biliar. A bile, por sua vez, tem função de quebrar os lipídios em moléculas menores (emulsão), facilitando a ação da enzima lipase pre­sente no suco pancreático.

Depois de ter recebido o suco pancreático e a bile no duodeno, os nutrien­tes seguem seu trajeto pela porção final do intestino delgado (jejuno-íleo).

O jejuno é a segunda parte; com cerca de 4,5 metros de comprimento, é a maior porção do intestino delgado.

O íleo é a porção final do intestino delgado e mede cerca de 1,5 metro de comprimento; comunica-se, na junção ileocecal, com o intestino grosso. Na junção ileocecal, há o óstio ileocecal, por onde o material proveniente do intestino delgado passa ao intestino grosso. Essa passagem é controlada por um músculo esfincteriano semelhante ao do piloro e ao da cárdia.

Localização do intestino delgado.
Localização e disposição do intestino delgado, do intestino grosso e do reto.

Após a digestão, as moléculas simples são absorvidas pela parede intesti­nal e lançadas na corrente sanguínea. Parte das gorduras é absorvida na forma de pequeníssimas gotas que são lançadas nos vasos linfáticos, auxiliando na formação da linfa.

A absorção intestinal é facilitada pelas vilosidades intestinais. Além dessas vilosidades, cada célula possui pequenas expansões apicais, as microvilosidades, que aumentam a superfície de contato com os nutrientes, facilitando a absorção dos mesmos.

Observe, no esquema abaixo, como ocorre a absorção intestinal.

Absorção do alimento pelo intestino delgado

No intestino delgado, ocorre digestão enzimática e absorção de grande parte dos nutrientes.

Veja também: