Artigo

Artigo é uma classe de palavra que existe exclusivamente para acompanhar um substantivo. Nunca veremos um artigo se referindo a outra classe, aliás, se isso ocorrer, a palavra que for de outra classe se transforma imediatamente em substantivo.

Publicidade

Exemplo:

Todos querem viver bem.
O viver contente é fundamental.
Os artigos são classificados em definidos ou indefinidos.

Artigos Definidos – o, os, a, as

Têm sentido particularizante. Indicam um ser já determinado, que é conhecido do interlocutor, seja por ter sido mencionado antes seja por ser de conhecimento universal, fruto da experiência de mundo.

Ex.: A mulher que nós esperávamos chegou.

Artigos Indefinidos – um, uns, uma, umas

Têm sentido genérico. Indicam um representante qualquer de uma espécie, que não foi mencionado anteriormente.

Ex.: Uma mulher lhe telefonou, mas não disse quem era, nem deixou recado.

Função do artigo

O artigo antecede sempre o substantivo, indicando-lhe o gênero (feminino ou masculino) e o número (singular ou plural). Em alguns casos, se não fosse pelo artigo, não saberíamos tais informações.

Observe as frases: “Pegue lápis do seu lado”. “Estudante sofreu acidente”. Palavras como “estudante” ou “lápis” necessitam do artigo para que o leitor saiba se é “A estudante sofreu acidente” ou “O estudante sofreu acidente” e se é “Pegue o lápis ao seu lado” ou “Pegue os lápis ao seu lado”.

Quando anteposto a qualquer palavra de outra classe que não seja substantivo, o artigo a transforma em substantivo. Isso é um processo de formação de palavra chamado derivação imprópria.

Quando é para me ajudar, você sempre encontra um porém.
(A palavra “porém” é conjunção, mas aqui funciona como substantivo.)

O amar é essencial à vida.
(A palavra “amar” é verbo, mas aqui funciona como substantivo.)

É preciso saber lidar com o não.
(A palavra “não” é advérbio, mas aqui funciona como substantivo.)

O belo é relativo.
(A palavra “belo” é adjetivo, mas aqui funciona como substantivo.)

Por: Wilson Teixeira Moutinho

Veja também: